blog de
D. Bertrand
de Orleans e Bragança
Publicações
Busca
Receba um aviso a cada nova publicação.

Perfil
D. Bertrand de Orleans e Bragança

O Príncipe Dom Bertrand de Orleans e Bragança é trineto de Dom Pedro II e bisneto da Princesa Isabel, a Redentora.
É advogado formado pela Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, da USP. Coordenador e porta-voz do movimento   Paz no Campo, percorre o Brasil fazendo conferências para produtores rurais e empresários, em defesa da propriedade privada e da livre iniciativa. Alerta para os efeitos deletérios da Reforma Agrária e dos movimentos ditos sociais, que querem afastar o Brasil dos rumos benditos da Civilização Cristã, que seus antepassados tanto ajudaram a construir no País, hoje assolado por uma revolução cultural de carater socialista.

D. Bertrand responde no YouTube.
  1. Sobre Paz no Campo
  2. Sobre o MST
  3. Sobre os Quilombolas
  4. Sobre raça negra e escravatura
  5. Sobre o MST e o poder
  6. Sobre invasões do MST
  7. Sobre Reforma Agrária

É hora de votar o PL 490

quarta-feira, 20 de outubro de 2021

É hora de votar o PL 490 - O tempo está passando e a Câmara do Deputados ainda não colocou em pauta o PL 490/2007


❖ QUARTA-FEIRA, 20 DE OUTUBRO DE 2021POSTAGEM:1468

Demarcação de terras indígenas não pode anular o Direito de Propriedade

Esquerda radical manipula índios para incendiar o Brasil

 

Julgamento do Marco Temporal aguarda pauta no STF

Na Câmara, pedido de urgência na apreciação do Projeto de Lei 490/2007

É hora de votar o PL 490

O tempo está passando e a Câmara do Deputados ainda não colocou em pauta o PL 490/2007

Do outro lado da Praça dos Três Poderes, no Supremo Tribunal Federal o ministro Alexandre de Moraes devolveu para julgamento desde o dia 11/10 o recurso que analisa a aplicação da tese do marco temporal na demarcação de terras indígenas no país.

Está faltando mobilização das lideranças rurais e dos proprietários rurais para pressionar os sindicatos rurais e os deputados de sua região a fim de agilizar a votação deste importante projeto de Lei. O presidente Jair Bolsonaro tem defendido o Marco Temporal em vários pronunciamentos. Assine logo a petição no site Paz no Campo ao deputado Arthur Lira.

Dilermando Campos presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Itapetinga/BA escreveu artigo pedindo a votação do PL 490 e, assim, “restaurar a justiça e a paz no campo brasileiro”.

 

É hora de votar o PL 490

O recorde no valor da produção agrícola de R$ 470,5 bilhões em 2020, segundo pesquisa do IBGE, só comprova o peso do agronegócio na economia brasileira, que já corresponde a 26,8% do PIB nacional. A atividade que mais prospera no país, independentemente de pandemia, no entanto, sofre com a insegurança jurídica que assola o campo, com a indefinição de critérios para a demarcação das terras indígenas.

A questão teve uma decisão cristalina do Supremo Tribunal Federal (STF) no julgamento da Reserva Raposa Serra do Sol, em 2009. O STF interpretou o artigo 231 da Constituição Federal e considerou como marco temporal a promulgação da Carta Magna. Os territórios ocupados até cinco de outubro de 1988 seriam reconhecidos como indígenas.

A demarcação da Reserva Raposa Serra do Sol que deveria servir de parâmetro para as demandas de reservas indígenas foi solapada por uma série de movimentos e invasões a áreas produtivas e tituladas sem o devido amparo do marco temporal. A falta de regulamentação do artigo 231 da Constituição Federal estimulou essas ações que produziram vários contenciosos por todo o país, levando o tema novamente à Suprema Corte.

Sob vista do ministro Alexandre de Moraes, atualmente o julgamento da Repercussão Geral do Recurso Extraordinário 1.017.365 está em suspenso. Ninguém sabe até quando. Fica também sem efeito o marco temporal por determinação do ministro Fachin, relator do processo que já votou contra o dispositivo. 

Enquanto isso, a insegurança jurídica perdura no campo a prejudicar as atividades do agronegócio, que, na Bahia, gera uma receita de R$ 34 bilhões, conforme informou o atual secretário estadual de agricultura (Seagri), João Carlos Oliveira em reportagem publicada neste jornal. O valor, divulgado pelo titular da Seagri, corresponde a 35% do PIB estadual, sendo responsável ainda por 32%dos empregos gerados no estado.

São indiscutíveis os efeitos do agronegócio para o desenvolvimento econômico e social da Bahia e do Brasil. Incompreensível é o Projeto de Lei 490, que tramita no Congresso Nacional desde 2007, ainda não ter entrado na pauta para votação. Com todos os trâmites cumpridos e a aprovação pela Comissão de Constituição e Justiça, não existe motivo para o PL 490 permanecer engavetado.

Além de definir o marco temporal como balizador das demarcações, o PL 490 trata do direito de os índios explorarem economicamente suas terras, como ocorre no resto do mundo. Também prevê indenização aos produtores que tiverem suas áreas desapropriadas para a criação das reservas indígenas. 

Assim como há tanta celeridade para aprovar em Brasília questões de ordem eleitoral, a expectativa é que nossos parlamentares federais atentem para a necessidade de imprimir o mesmo ritmo na votação do PL 490 e, assim, restaurar a justiça e a paz no campo brasileiro. (https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/e-hora-de-votar-o-pl-490/)

***

Paz no Campo pede encarecidamente a todos os brasileiros que solicitem ao presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), toda urgência na apreciação desse Projeto de Lei 490/2007.

Peço entrar logo no site Paz no Campo para fazer o seu pedido de urgência ao Presidente da Câmara.


Julgamento do Marco Temporal é suspenso no STF

quinta-feira, 30 de setembro de 2021

Julgamento do Marco Temporal é suspenso no STF


❖ QUINTA-FEIRA, 30 DE SETEMBRO DE 2021POSTAGEM:1467


O voto dos Ministros

segunda-feira, 13 de setembro de 2021

Na próxima quarta-feira, dia 15 de setembro está marcada a continuação do julgamento do marco temporal pelo STF.


❖ SEGUNDA-FEIRA, 13 DE SETEMBRO DE 2021POSTAGEM:1466


Últimas notícias

sábado, 4 de setembro de 2021

Brasília (3/9) -- A sessão de julgamento do marco temporal foi suspensa ontem pela 3ª vez consecutiva devido ao horário, devendo ser retomada no dia 8 de setembro com os votos dos ministros do STF.


❖ SÁBADO, 4 DE SETEMBRO DE 2021POSTAGEM:1465


Julgamento do STF pode afetar propriedades em todo o Brasil

segunda-feira, 23 de agosto de 2021

No domingo dia 22 de agosto de 2021 saiu no jornal O Estado de São Paulo matéria com o título Julgamento do STF pode afetar propriedades em todo o Brasil


❖ SEGUNDA-FEIRA, 23 DE AGOSTO DE 2021POSTAGEM:1464


Demarcação de terras indígenas

sábado, 21 de agosto de 2021

Demarcação de terras indígenas não pode anular o Direito de Propriedade


❖ SÁBADO, 21 DE AGOSTO DE 2021POSTAGEM:1463


Queimadas e agronegócio

segunda-feira, 21 de dezembro de 2020

Importante entrevista do Dr. Evaristo de Miranda sobre o papel do Brasil, em especial da Amazônia, para a alimentação mundial.


❖ SEGUNDA-FEIRA, 21 DE DEZEMBRO DE 2020POSTAGEM:1462


Amazônia – realidades e soluções

sábado, 5 de setembro de 2020

A Amazônia precisa ser conhecida e reconhecida em sua história e complexidade em pelo menos cinco dimensões inseparáveis: as dos quadros natural, agrário, agrícola, de infraestrutura e socioeconômico.


❖ SÁBADO, 5 DE SETEMBRO DE 2020POSTAGEM:1461


As queimadas no Brasil

sexta-feira, 4 de setembro de 2020

No Brasil não houve aumento nas queimadas com relação ao ano passado


❖ SEXTA-FEIRA, 4 DE SETEMBRO DE 2020POSTAGEM:1460


Amazônia destruída ou preservada? A verdade sobre a Floresta

domingo, 26 de julho de 2020

Amazônia destruída ou preservada? A verdade sobre a Floresta


❖ DOMINGO, 26 DE JULHO DE 2020POSTAGEM:1459


Coronavírus Mitos e Verdades

sábado, 20 de junho de 2020

O ano 2020 evidenciou que o coronavírus foi realmente um “negócio da China”, não apenas para o governo chinês.


❖ SÁBADO, 20 DE JUNHO DE 2020POSTAGEM:1458


Corona vírus: Negócio da China...

terça-feira, 21 de abril de 2020

À medida que a arrogância de Pequim atinge níveis surreais, o Ocidente começa a se questionar se não seguiu o caminho errado. «A China infecta-nos, compra-nos e agradecemos-lhe», sintetizou a situação Massimo Cacciari.


❖ TERÇA-FEIRA, 21 DE ABRIL DE 2020POSTAGEM:1457


COVID-19

domingo, 5 de abril de 2020

Veja as informações mais recentes do MS sobre o COVID-19


❖ DOMINGO, 5 DE ABRIL DE 2020POSTAGEM:1456


Esqueçam Greta e ouçam os índios.

quarta-feira, 11 de março de 2020

Esqueçam Greta e ouçam os índios. Ambientalistas do mundo inteiro, acordem! Prestem atenção na realidade tal qual ela é, e deixem de sustentar mitos e mentiras.


❖ QUARTA-FEIRA, 11 DE MARÇO DE 2020POSTAGEM:1455


Príncipe Dom Bertrand sem meias palavras: Lula livre, Ideologia de gênero e muito mais

domingo, 8 de março de 2020

Príncipe Dom Bertrand sem meias palavras: Lula livre, Ideologia de gênero e muito mais


❖ DOMINGO, 8 DE MARÇO DE 2020POSTAGEM:1454


Convite: Conferência Um Balanço sobre o Sínodo da Amazônia

terça-feira, 12 de novembro de 2019

Com o Concílio Vaticano II e o surgimento da chamada Teologia da Libertação (TL), o progressismo dentro da Igreja tomou nova força e novos contornos.


❖ TERÇA-FEIRA, 12 DE NOVEMBRO DE 2019POSTAGEM:1453


Bolsonaro sanciona lei que dá direito a posse de arma em área rural

quarta-feira, 18 de setembro de 2019

Ao reassumir a Presidência da República, Jair Bolsonaro sancionou, na tarde desta terça-feira (17/9), durante uma solenidade no Palácio da Alvorada, o Projeto de Lei nº 3.715/19,que prevê a posse de arma em toda a extensão de uma propriedade rural.


❖ QUARTA-FEIRA, 18 DE SETEMBRO DE 2019POSTAGEM:1452


Cruzada de oração e jejum pelo Sínodo na Amazônia

terça-feira, 17 de setembro de 2019

Cardeal Burke e Dom Athanasius propõem uma cruzada de oração e jejum pelo Sínodo na Amazônia.Cardeal Burke e Dom Athanasius propõem uma cruzada de oração e jejum pelo Sínodo na Amazônia.


❖ TERÇA-FEIRA, 17 DE SETEMBRO DE 2019POSTAGEM:1451


A preservação da Amazônia

segunda-feira, 19 de agosto de 2019

Os grandes poluidores somem de cena e surge o Brasil como culpado pelos males ambientais


❖ SEGUNDA-FEIRA, 19 DE AGOSTO DE 2019POSTAGEM:1450


Conferência do Deputado Eduardo Bolsonaro

sábado, 4 de maio de 2019

A conferência do Deputado Eduardo Bolsonaro está confirmada para o dia 09 de maio. Atendendo a um pedido do deputado, tivemos que ANTECIPAR O INÍCIO PARA 18:00 HORAS.


❖ SÁBADO, 4 DE MAIO DE 2019POSTAGEM:1449