blog de
D. Betrand
de Orleans e Bragança
Publicações
Busca
Receba um aviso a cada nova publicação.

Perfil
D. Bertrand de Orleans e Bragança

O Príncipe Dom Bertrand de Orleans e Bragança é trineto de Dom Pedro II e bisneto da Princesa Isabel, a Redentora.
É advogado formado pela Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, da USP. Coordenador e porta-voz do movimento   Paz no Campo, percorre o Brasil fazendo conferências para produtores rurais e empresários, em defesa da propriedade privada e da livre iniciativa. Alerta para os efeitos deletérios da Reforma Agrária e dos movimentos ditos sociais, que querem afastar o Brasil dos rumos benditos da Civilização Cristã, que seus antepassados tanto ajudaram a construir no País, hoje assolado por uma revolução cultural de carater socialista.

D. Bertrand responde no YouTube.
  1. Sobre Paz no Campo
  2. Sobre o MST
  3. Sobre os Quilombolas
  4. Sobre raça negra e escravatura
  5. Sobre o MST e o poder
  6. Sobre invasões do MST
  7. Sobre Reforma Agrária

Ignorância amazônica

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Duvido de brasileiro que não dê apoio a deixar a mata em pé em vez de plantarmos e extrairmos minerais valiosos. A desinformação é geral e acachapante. Para esses aconselho ler na Veja de 6/7/17, o artigo do Guzzo, o melhor cronista do Brasil pelo conhecimento que exibe e a forma pela qual se expressa, sem falar nos equilíbrios emocional e analítico recheados de fina ironia.


❖ SEGUNDA-FEIRA, 18 DE SETEMBRO DE 2017POSTAGEM:1352

              Ignorância amazônica


Sacha Calmon, Advogado

 

Correio Braziliense: 17/09/2017

 

Duvido de brasileiro que não dê apoio a deixar a mata em pé em vez de plantarmos e extrairmos minerais valiosos. A desinformação é geral e acachapante. Para esses aconselho ler na Veja de 6/7/17, o artigo do Guzzo, o melhor cronista do Brasil pelo conhecimento que exibe e a forma pela qual se expressa, sem falar nos equilíbrios emocional e analítico recheados de fina ironia.

Vamos ao assunto. Fazemos lobby contra nós próprios. O senador júnior do Amapá, o menino Randolfe, recém-saído do Centro Acadêmico de Macapá, verte exsudatos pela boca poluindo o Amazonas, que deveria proteger. Esperto é o lobby do agronegócio americano no Capitólio, a convencer deputados e senadores do lema “farms here, forests there”, ou seja, não deixem o Brasil plantar, lá é para ter índio e floresta (índio quer apito). O americano Money (os índios lá já foram mortos).

Guzzo diz bem: “Como a agricultura brasileira pode estar ameaçando a Amazônia se a área cultivada no país inteiro é de apenas 10% do território nacional?” O argumento é irrefutável. Além disso, digo eu, 60% da maior floresta equatorial do planeta, especialmente no estado do Amazonas, na direção sul, é igapó, ou seja, o tempo todo floresta inundada. Somente esse estado tem mais floresta compactada e aguada nove meses por ano que a Europa inteira, a China toda, e até mais que a Rússia com suas florestas homogêneas do lado do círculo ártico, mesma situação do Canadá. Anda-se pelos EUA e pela Europa ocidental e a oriental(leste europeu) e não se veem nem sequer bosques rarefeitos, só tufos, por força de lei.

 Aqui a histeria dos meus conterrâneos é total. Cortar uma árvore é “crime contra a humanidade”. Somente o Rio de Janeiro tem mais matas que a Holanda, a Bélgica e Luxemburgo juntos. Os dizeres de Guzzo na Veja de duas semanas atrás são esclarecedores.

 O Brasil é o maior exportador de soja, açúcar, suco de laranja, café, carne bovina e de frangos. Estamos em 2º lugar em milho, em quarto em carne suína e nas quatro primeiras posições em mais cinco cultivares, como o algodão. Vale dizer, devemos nos orgulhar do agronegócio. A produtividade agrícola alcançou a norte-americana, o que parecia impossível. O que não temos é infraestrutura, estradas e portos na região amazônica, rica em províncias minerais e rios profundos capazes de receber navios de qualquer calado. Melhor entregá-lo à iniciativa privada. O mundo sempre dependerá do Brasil e cada vez mais. Brasil e EUA serão para sempre superpotências agrícolas, altamente mecanizadas e informatizadas e, se tivermos saídas pelo Pará, a nossa logística será imbatível. Nem o PT nem os MSTs nos impedirão.

Em alguns pontos, estamos à frente dos EUA: clima, não temos neve ou gelo; o plantio direto rotativo a reduzir o uso de fertilizantes químicos e menos óleo diesel poluente. Os europeus — na França principalmente — pagam aos agricultores por pé de beterraba ou vaca leiteira existente (só por existir). Aqui não:quanto mais restrições aos produtores e manutenção do mato bruto e insetos, melhor! Nossos artistas que, como diz Guzzo, não sabem sequer onde está a Mantiqueira, vivem dando palpites em favor “dos povos indígenas, dos quilombos e da preservação da floresta amazônica” (que nem sequer corre esse risco). É mito criado lá fora, financiado e inculcado na mente a crítica dos brasileiros.

 Na verdade, querem aqui “agricultura familiar”, essa besteira sem tamanho. Feijão, arroz e hortifrutigranjeiros existem cada vez mais no entorno das grandes e médias cidades. Se há um setor em que o Brasil dá lição é na ciência e nas práxis da produção de todo tipo de alimento. Essa atoarda por causa da reservado cobre e associados foi fomentada pela esquerda e adotada pela nação, contra os próprios interesses, pois o conservacionismo é simpático, “moderno”, charmoso.

 Eles precisam de matas, nós não, as temos de norte a sul, sem falar no país fluvial, encharcado e florestado do Amazonas, que não vai acabar não, precisa até ser diminuído, onde for preciso, com bom ordenamento legal. Como está atrapalha a si mesmo (o sombreamento exagerado prejudica o nascimento e crescimento de novas árvores) e atrasa o país.

Por último, a de reserva cobre e associados (manganês e um sem número de minerais), como ocorre em Carajás, é reserva mineral que somente a União pode explorar por si e por concessão. Jamais foi, é ou será reserva florestal. Foi instituída pelos militares quando governaram o país. Era só o que faltava. Os boquirrotos não sabem do que falam, são uns ignorantes parlapatões, a começar pelo menino-senador Randolfe, do Amapá. Fica a dúvida: ignorância ou má-fé?

Até hoje fico me perguntando a razão de americanos e europeus não reflorestarem seus países. Mas continuam a comprar madeira no Canadá, Malásia e Indonésia. Ao Brasil, só nos cabe ser forest intocável.

 http://impresso.correioweb.com.br/app/noticia/cadernos/opiniao/2017/09/17/interna_opiniao,249702/ignorancia-amazonica.shtml


Clima não está esquentando!”

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

“Sou apenas um velho idiota cético – um negacionista, como eles me chamam – que deveria ser encarcerado ou morto”, arguiu. “Eu entendo como eles se sentem. Mas você sabe de uma coisa? Eu sei que estou certo. Então eu não me incomodo”.


❖ SEGUNDA-FEIRA, 18 DE SETEMBRO DE 2017POSTAGEM:1351


Meio ambiente e agricultura ameaçados

terça-feira, 12 de setembro de 2017

É fundamental o STF declarar constitucionais os artigos contestados do Código Florestal


❖ TERÇA-FEIRA, 12 DE SETEMBRO DE 2017POSTAGEM:1350


Grandes furacões diminuíram 70% desde 1926

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Certa grande mídia – aliás, majoritária – atribuiu mais uma vez as causas às “mudanças climáticas”, ao “aquecimento global” e outras ficções.


❖ SEGUNDA-FEIRA, 11 DE SETEMBRO DE 2017POSTAGEM:1349


Em defesa da agricultura: vamos comer o quê?

quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Fundões como o Brasil não têm direito a criar progresso na terra. Devem limitar-se a ter florestas, não disputar mercados e não perturbar a tranquilidade moral das nações civilizadas, ecológicas e sustentáveis. E os brasileiros — vão comer o quê?


❖ QUARTA-FEIRA, 6 DE SETEMBRO DE 2017POSTAGEM:1348


Dois mil anos sem mudanças

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

John Abbot e Jennifer Marohasy: nos últimos 2.000 anos não houve mudanças climáticas anormais


❖ SEGUNDA-FEIRA, 4 DE SETEMBRO DE 2017POSTAGEM:1347


Efeito reduzido

sábado, 26 de agosto de 2017

Entenda como as ONGs ambientalistas e indigenistas atuam contra o interesse nacional


❖ SÁBADO, 26 DE AGOSTO DE 2017POSTAGEM:1346


Comissão do Senado aprova projeto que acaba com o Funrural

quinta-feira, 24 de agosto de 2017

O agronegócio recebeu hoje uma excelente notícia. Nesta quarta-feira, dia 23, a Comissão de Constituição de Justiça do Senado (CCJ) aprovou o projeto (PRS 13/2017) que na prática extingue o Funrural.


❖ QUINTA-FEIRA, 24 DE AGOSTO DE 2017POSTAGEM:1345


Agricultura lidera preservação no Brasil

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Os agricultores preservam mais vegetação nativa no interior de seus imóveis (20,5% do Brasil) do que todas as unidades de conservação juntas (13%)!


❖ SEGUNDA-FEIRA, 21 DE AGOSTO DE 2017POSTAGEM:1344


Ingerências de governos e ONGs internacionais no Brasil

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

O inédito encontro se inseriu numa longa serie de ingerências de governos e ONGs internacionais no Brasil e em outros países.


❖ SEGUNDA-FEIRA, 7 DE AGOSTO DE 2017POSTAGEM:1343


Comissão do Senado votará projeto que pode por fim ao Funrural

terça-feira, 1 de agosto de 2017

O Funrural é um imposto que tem um grande impacto negativo sobre o agronegócio, pois tributa em 2,3% as atividades do setor que tem sido uma das principais colunas a sustentar a economia nacional em meio a tamanha crise pela qual o Brasil ainda passa ...


❖ TERÇA-FEIRA, 1 DE AGOSTO DE 2017POSTAGEM:1342


Ibama sob Sarney Filho prepara novo imposto sobre produção de alimentos

sexta-feira, 28 de julho de 2017

O Ibama agora pretende taxar a produção de alimentos incluindo a atividade na lista de potencialmente poluidoras e utilizadoras de recursos ambientais


❖ SEXTA-FEIRA, 28 DE JULHO DE 2017POSTAGEM:1341


Temer Ruralista

segunda-feira, 24 de julho de 2017

O jornal Folha de São Paulo traz hoje um editorial que parece ter sido escrito pelo Greenpeace


❖ SEGUNDA-FEIRA, 24 DE JULHO DE 2017POSTAGEM:1340


Iceberg inusual, mas comum

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Fenômeno grande mas comum nãoo trazia perigo algum para homens ou mares.


❖ SEGUNDA-FEIRA, 24 DE JULHO DE 2017POSTAGEM:1337


MPF vai contra a AGU e o STF

domingo, 23 de julho de 2017

Ao contrario, vai promover seguranca juri­dica a esta importante poli­tica publica


❖ DOMINGO, 23 DE JULHO DE 2017POSTAGEM:1336


Temer assina parecer que pode parar demarcação de terras indí­genas

domingo, 23 de julho de 2017

A imposição do "marco temporal" para toda a administração contraria o próprio STF sobre a não vinculação da decisão do caso da Raposa e não contempla exceções estabelecidas pelo próprio tribunal, como nos casos de expulsão dos povos indígenas de suas terras.


❖ DOMINGO, 23 DE JULHO DE 2017POSTAGEM:1335


Discurso de Trump em Miami

quarta-feira, 28 de junho de 2017

Pode surpreender, mas o texto me tomou o espírito enquanto ouvia discurso aos cubanos do presidente Donald Trump, em Miami. Martelava verdades silenciadas na imprensa.


❖ QUARTA-FEIRA, 28 DE JUNHO DE 2017POSTAGEM:1334


A magia dos climatólogos

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Conferência do prof. Richard S Lindzen - Acreditar que o CO2 controla o clima está muito perto de acreditar em magia.


❖ SEGUNDA-FEIRA, 26 DE JUNHO DE 2017POSTAGEM:1333


Os verdes vão para o mato

sábado, 17 de junho de 2017

As eleições presidenciais deste mês na França revelaram uma rejeição a dois engodos demagógicos: o socialista e o ecologista.


❖ SÁBADO, 17 DE JUNHO DE 2017POSTAGEM:1332


Bin Laden e o canivete

quarta-feira, 14 de junho de 2017

Evaristo de Miranda recorre ao postulado segundo o qual os homens podem ser divididos em dois grupos os que usam e os que não usam canivete para lembrar um drama pessoal


❖ QUARTA-FEIRA, 14 DE JUNHO DE 2017POSTAGEM:1331


Verdes sem argumentos

segunda-feira, 12 de junho de 2017

A produção de grãos do Brasil é superior a uma tonelada por habitante (dados finais de 2015)


❖ SEGUNDA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2017POSTAGEM:1330


Agricultura lidera preservação

segunda-feira, 5 de junho de 2017

Grande produtor de alimentos, energia e fibras, o Brasil é uma potência em preservação ambiental, com mais de 66% de seu território recoberto por vegetação nativa.


❖ SEGUNDA-FEIRA, 5 DE JUNHO DE 2017POSTAGEM:1329


Fora da insanidade

domingo, 4 de junho de 2017

As quimeras se complicam na hora de tomar contato com a realidade. É o caso do Acordo de Paris, aprovado na 21ª Conferência das Partes (COP-21) da Convenção-Quadro das Nações.


❖ DOMINGO, 4 DE JUNHO DE 2017POSTAGEM:1328


Descoberta “exorciza” pânico pela falta de água doce

terça-feira, 23 de maio de 2017

Mais um pesadelo tramado nos laboratórios do ambientalismo neocomunista parece ter-se felizmente desfeito à luz do sol.


❖ TERÇA-FEIRA, 23 DE MAIO DE 2017POSTAGEM:1327


Resfriamento global! em Bordeaux

domingo, 7 de maio de 2017


❖ DOMINGO, 7 DE MAIO DE 2017POSTAGEM:1326


Falsos índios criam confusão em Brasília

sábado, 6 de maio de 2017


❖ SÁBADO, 6 DE MAIO DE 2017POSTAGEM:1325


Despejo do Lula

domingo, 30 de abril de 2017


❖ DOMINGO, 30 DE ABRIL DE 2017POSTAGEM:1324


Descoberta exorciza pânico de falta de água doce

segunda-feira, 24 de abril de 2017


❖ SEGUNDA-FEIRA, 24 DE ABRIL DE 2017POSTAGEM:1323


Biomas da CNBB

segunda-feira, 17 de abril de 2017


❖ SEGUNDA-FEIRA, 17 DE ABRIL DE 2017POSTAGEM:1322


A carne é forte e global

sábado, 15 de abril de 2017


❖ SÁBADO, 15 DE ABRIL DE 2017POSTAGEM:1321