blog de
D. Betrand
de Orleans e Bragança
Publicações
Busca
Receba um aviso a cada nova publicação.

Perfil
D. Bertrand de Orleans e Bragança

O Príncipe Dom Bertrand de Orleans e Bragança é trineto de Dom Pedro II e bisneto da Princesa Isabel, a Redentora.
É advogado formado pela Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, da USP. Coordenador e porta-voz do movimento   Paz no Campo, percorre o Brasil fazendo conferências para produtores rurais e empresários, em defesa da propriedade privada e da livre iniciativa. Alerta para os efeitos deletérios da Reforma Agrária e dos movimentos ditos sociais, que querem afastar o Brasil dos rumos benditos da Civilização Cristã, que seus antepassados tanto ajudaram a construir no País, hoje assolado por uma revolução cultural de carater socialista.

D. Bertrand responde no YouTube.
  1. Sobre Paz no Campo
  2. Sobre o MST
  3. Sobre os Quilombolas
  4. Sobre raça negra e escravatura
  5. Sobre o MST e o poder
  6. Sobre invasões do MST
  7. Sobre Reforma Agrária

Demarcação de área indígena no Paraná

quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Documento identifica 24 mil hectares de terras em Altônia, Guaíra e Terra Roxa para criação de reserva indígena, mas que são ocupadas há anos por produtores rurais


❖ QUARTA-FEIRA, 17 DE OUTUBRO DE 2018POSTAGEM:1424

Agricultores pedem revogação de estudo que delimita área indígena no Paraná

Documento identifica 24 mil hectares de terras em Altônia, Guaíra e Terra Roxa para criação de reserva indígena, mas que são ocupadas há anos por produtores rurais

Albari Rosa/Gazeta do Povo
17/10/2018 |  09h11 |  Da Redação

Algumas das principais entidades ligadas ao setor do agronegócio paranaense encaminharam nesta segunda-feira (15) uma carta ao presidente Michel Temer pedindo a revogação de um despacho da Fundação Nacional do Índio (Funai) que aprova a identificação da Terra Indígena Tekohá Guasu Guavirá, de ocupação tradicional do povo Avá-Guarani, localizada nos municípios de Altônia, Guaíra e Terra Roxa, na região Oeste do Paraná.

O Despacho Nº 2, de setembro de 2018, apresenta o resultado de um estudo coordenado pela antropóloga Marina Vanzolini Figueiredo que identificou uma área de aproximadamente 24 mil hectares, dividida em duas glebas e áreas de ilhas que poderiam abrigar uma população indígena estimada em 1.360 pessoas (os dados são de 2013). O problema é que nessas terras existem 172 propriedades rurais legalizadas e produtivas, segundo representantes do setor.

Apesar de o documento da Funai ser uma etapa do processo para a criação de uma área indígena, nem de longe ele significa que as terras serão, ao menos no curto prazo, demarcadas. No entanto, os agricultores já estão se mobilizando para não correrem o risco de perder suas terras e a produção.

De acordo com Klauss Dias Kunhnen, gerente jurídico da Federação da Agricultura do Estado do Paraná (Faep), a entidade já tinha impetrado duas ações contra a Funai no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) pedindo a suspensão dos estudos até que fosse feita a identificação formal das propriedades e dos produtores que estavam dentro dessas áreas. O Tribunal chegou a determinar que os produtores fossem identificados formalmente no processo, o que não ocorreu, segundo Kunhnen.

“Agora vamos pedir novamente a suspensão das portarias que autorizaram o estudo e, automaticamente, invalidando o despacho da Funai”, diz o gerente jurídico. Caso o TRF-4 negue o recurso, a Faep estuda entrar com uma nova medida apresentando suas contestações, mostrando que as propriedades dentro da área são legalizadas e que estão nas mãos dos agricultores há anos.

Os proprietários atingidos pela área da possível reserva têm 90 dias para contestar o Despacho Nº 2. A Faep promete auxiliá-los na defesa. Segundo Kunhnen, alguns agricultores – a maioria pequenos e médios produtores de grãos - estão há mais de 50 anos no imóvel e as terras são declaradas à Receita Federal e cadastradas no Incra. A reserva indígena, conforme delimitada no estudo, pegaria totalmente algumas propriedades e parcialmente outras.

De qualquer forma, o imbróglio envolvendo a reserva Tekohá Guasu Guavirá deve se arrastar para o próximo governo. Se não for barrada nos tribunais, ela precisa ainda ser autorizada pelo Ministério da Justiça e posteriormente ser sancionada pelo presidente da República para sair do papel.

Para Kunhnen, a Funai ainda não sabe nem exatamente quantos indígenas há na região. De acordo com ele, levantamentos feitos pelas prefeituras da região mostraram que havia entre os índios cidadãos oriundos do Paraguai e que, em tese, não teriam direito a áreas da reserva. “O primeiro passo seria fazer a identificação dessas pessoas”, sintetiza.

No despacho da Funai, a entidade afirma que os indígenas da região possuem vínculo indissolúvel com a área identificada no estudo. “A TI abrange as áreas de habitação permanente do povo Avá-Guarani, as utilizadas para suas atividades produtivas, as imprescindíveis à preservação dos recursos ambientais necessários a seu bem-estar e as necessárias a sua reprodução física e cultural, segundo seus usos, costumes e tradições, correspondendo, portanto, ao disposto no artigo 231 da Constituição Federal vigente”, diz um trecho do documento.

Leia mais em: https://www.gazetadopovo.com.br/agronegocio/agricultura/outras-culturas/agricultores-pedem-revogacao-de-estudo-que-delimita-area-indigena-no-parana-7guwxdmsd8wrcl27ifbbezsom/


A Agricultura paulista nas mãos da Justiça

terça-feira, 16 de outubro de 2018

Os agricultores paulistas dedicam à preservação da vegetação nativa mais de 4,1 milhões de hectares.


❖ TERÇA-FEIRA, 16 DE OUTUBRO DE 2018POSTAGEM:1423


Ditadura do PT

sábado, 13 de outubro de 2018

O PT quer vencer a eleição e por fim à democracia, criar comitês externos ao Judiciário e censurar os meios de comunicação


❖ SÁBADO, 13 DE OUTUBRO DE 2018POSTAGEM:1422


Zé Dirceu: ? Nós vamos tomar o poder!

segunda-feira, 8 de outubro de 2018

É questão de tempo pra gente tomar o poder. Aí nós vamos tomar o poder, que é diferente de ganhar uma eleição


❖ SEGUNDA-FEIRA, 8 DE OUTUBRO DE 2018POSTAGEM:1420


Antropólogo denuncia FUNAI: “é um órgão aparelhado para fazer do índio uma massa de manobra”

terça-feira, 25 de setembro de 2018

Antropólogo denuncia FUNAI: “é um órgão aparelhado para fazer do índio uma massa de manobra”


❖ TERÇA-FEIRA, 25 DE SETEMBRO DE 2018POSTAGEM:1419


Cercear as liberdades para “salvar o clima”?

quarta-feira, 19 de setembro de 2018

Na ótica ambientalista, o que seria necessário para “salvar o planeta”? As respostas vão da banalidade demagógica ao disparate extremado.


❖ QUARTA-FEIRA, 19 DE SETEMBRO DE 2018POSTAGEM:1418


Cultivar é preciso

terça-feira, 18 de setembro de 2018

Os satélites meteorológicos revolucionaram o conhecimento do clima e a previsão do tempo. Essa evolução não para.


❖ TERÇA-FEIRA, 18 DE SETEMBRO DE 2018POSTAGEM:1417


Polícia Federal investiga ‘fábrica’ de índios na Funai

domingo, 16 de setembro de 2018

Na investigação iniciada no Paraná, a Polícia Federal já identificou mais de uma centena de irregularidades e fraudes para a emissão e obtenção de documentos, além de revelar um possível envolvimento de servidores da Fundação Nacional do índio (Funai) para facilitar o acesso dos documentos de nacionalidade brasileira aos paraguaios.


❖ DOMINGO, 16 DE SETEMBRO DE 2018POSTAGEM:1416


Liturgia esotérica

terça-feira, 4 de setembro de 2018

A nova liturgia amazônica inculturada adotará costumes tirados da bruxaria local


❖ TERÇA-FEIRA, 4 DE SETEMBRO DE 2018POSTAGEM:1415


Os únicos pecados são a catequização e a civilização 2

segunda-feira, 3 de setembro de 2018

Documento preparatório do Sínodo especial sobre a Amazônia 2


❖ SEGUNDA-FEIRA, 3 DE SETEMBRO DE 2018POSTAGEM:1414


Indios de Dourados ampliam invasões com apoio da Funai e Sesai

sábado, 1 de setembro de 2018

Com apoio da Funai e da Sesai, índios ampliam invasões


❖ SÁBADO, 1 DE SETEMBRO DE 2018POSTAGEM:1413


Cinco anos do pontificado de Francisco

quarta-feira, 29 de agosto de 2018

O autor sustenta a tese de que a "mudança de paradigma" --conceito adotado pelo papa Francisco-- transmite a ideia de ruptura ou descontinuidade e, em consequência, de uma nova fisionomia da igreja e do papado, a ponto de alguns chegarem a falar de "uma nova Igreja de Francisco".


❖ QUARTA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2018POSTAGEM:1412


Igreja ecológica amazônica dispensa a Redenção

quinta-feira, 16 de agosto de 2018

Esse Sínodo visaria a “conversão pastoral e ecológica” para uma nova interpretação da religião católica que acaba dando no contrário do Antigo e do Novo Testamento.


❖ QUINTA-FEIRA, 16 DE AGOSTO DE 2018POSTAGEM:1411


Futuro da Colômbia com o Presidente Duque

segunda-feira, 13 de agosto de 2018

A Colômbia se manifestou nas urnas contra essas propostas populistas de esquerda, e ao mesmo tempo elegeu o principal adversário do atual presidente Juan Manuel Santos. Ivan Duque teve pouco mais de 10 milhões de votos, contra 8 milhões de Gustavo Petro.


❖ SEGUNDA-FEIRA, 13 DE AGOSTO DE 2018POSTAGEM:1410


Igreja ecológica panamazônica enxota Jesus Cristo e endeusa o pajé

segunda-feira, 13 de agosto de 2018

A jornalista holandesa Jeanne Smits ficou estarrecida quando tomou conhecimento do documento preparatório do Sínodo especial sobre a Amazônia.


❖ SEGUNDA-FEIRA, 13 DE AGOSTO DE 2018POSTAGEM:1409


Agricultura lidera a preservação ambiental

terça-feira, 31 de julho de 2018

O mundo rural brasileiro utiliza, em média, apenas a metade da superfície de seus imóveis (50,1%). A área dedicada à preservação da vegetação nativa nos imóveis rurais – registrados e mapeados no Cadastro Ambiental Rural (CAR) – representa um quarto do território nacional (25,6%).


❖ TERÇA-FEIRA, 31 DE JULHO DE 2018POSTAGEM:1408


As fábricas indígenas

segunda-feira, 30 de julho de 2018

A Polícia Federal do Paraná anunciou que estaria realizando uma investigação nas chamadas "fábricas indígenas", ou seja, nas operações que visam a vinda de índios de outros países para o Brasil, que conseguem certidão de nascimento brasileira e usufruem dos direitos reservados à comunidade indígena do país.


❖ SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018POSTAGEM:1407


A Mudança de Paradigma do Papa Francisco

sábado, 28 de julho de 2018

”A MUDANÇA DE PARADIGMA DO PAPA FRANCISCO: Continuidade ou ruptura na missão da Igreja?“


❖ SÁBADO, 28 DE JULHO DE 2018POSTAGEM:1406


O Javaporco e a política

segunda-feira, 9 de julho de 2018

Voraz, o Javaporco não come o que destrói. Em plantações os pés de milho são cortados rente ao chão e as espigas levemente roídas, muitas intocadas, são perdidas. A destruição chega a 4, 5 hectares em apenas uma noite.


❖ SEGUNDA-FEIRA, 9 DE JULHO DE 2018POSTAGEM:1405


Projeto de governo global “verde” anticristão

segunda-feira, 2 de julho de 2018

O ecologismo em seu nascedouro se manifestou como uma nova religiosidade que eleva a natureza à categoria de divindade de tipo panteísta.


❖ SEGUNDA-FEIRA, 2 DE JULHO DE 2018POSTAGEM:1404


A máfia das demarcações de terras!

sábado, 16 de junho de 2018

Outra “máfia” foi revelada pela CPI da Funai/Incra, concluída em 2017, que descobriu como funciona o esquema por trás da reforma agrária, que é um grande e lucrativo negócio político e econômico.


❖ SÁBADO, 16 DE JUNHO DE 2018POSTAGEM:1403


Transposição do São Francisco tira 1 milhão do colapso

segunda-feira, 11 de junho de 2018

O bispo da cidade de Barra (BA), dom Luiz Flávio Cappio, trabalhou empenhadamente para que essa transposição do Rio São Francisco não acontecesse.


❖ SEGUNDA-FEIRA, 11 DE JUNHO DE 2018POSTAGEM:1402


Conferência Guerra Justa

quinta-feira, 24 de maio de 2018

Conferência “Guerra Justa: Do Império Romano ao Estado Islâmico” – 28/05/2018


❖ QUINTA-FEIRA, 24 DE MAIO DE 2018POSTAGEM:1401


Convite Ideologia de Gênero

quarta-feira, 4 de abril de 2018

A investida Internacional, cultural e sexual continua propagando a absurda Ideologia de Gênero.


❖ QUARTA-FEIRA, 4 DE ABRIL DE 2018POSTAGEM:1400


Prefeito de Guaíra desmente a FUNAI através de fotos via satélite

sexta-feira, 23 de março de 2018

Heraldo Trento Prefeito de Guaíra, usou a tecnologia Google Earth para provar que esses “índios” (na realidade, paraguaios manipulados) começaram a aportar na região muito recentemente.


❖ SEXTA-FEIRA, 23 DE MARÇO DE 2018POSTAGEM:1399


Confirmação do Código Florestal

sábado, 3 de março de 2018

Confirmação do Código Florestal.Num Estado Democrático de Direito, basta a aprovação do Legislativo, com a sanção do Executivo, para que uma lei tenha plena vigência.


❖ SÁBADO, 3 DE MARÇO DE 2018POSTAGEM:1398


Agropecuária: Uma vitória apertada por 6 x 5 !

sexta-feira, 2 de março de 2018

Código Florestal: Supremo decide a favor dos agricultores


❖ SEXTA-FEIRA, 2 DE MARÇO DE 2018POSTAGEM:1397


O STF e a extinção dos pequenos agricultores

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Se os artigos 59 e 67 do Código Florestal forem declarados ilegais será um desastre


❖ SEGUNDA-FEIRA, 26 DE FEVEREIRO DE 2018POSTAGEM:1396


Irresponsabilidade com o campo

domingo, 25 de fevereiro de 2018

O Código Florestal afeta o desenvolvimento econômico, ambiental e social do País


❖ DOMINGO, 25 DE FEVEREIRO DE 2018POSTAGEM:1395


Cuidado, perigo! Petismo sem PT!

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Estaremos nós diante de um “petismo sem PT”?


❖ QUARTA-FEIRA, 21 DE FEVEREIRO DE 2018POSTAGEM:1394